terça-feira, 24 de maio de 2016

Assombroso Espetáculo


A.W. Tozer

Durante séculos a igreja manteve-se firme contra toda forma de entretenimento mundano, reconhecendo-o como um dispositivo para se perder tempo, um refúgio contra a perturbadora voz da consciência, um plano para se desviar a atenção da prestação de contas quanto à moral.

Por manter sua posição, ela sofreu abusos por parte dos filhos deste mundo. Ultimamente, entretanto, ela se cansou de ser abusada e simplesmente desistiu da luta. Parece ter firmado a posição de que, se não pode vencer o deus do entretenimento, o que melhor pode fazer é unir suas forças às dele e aproveitar o máximo de seus poderes.

Por isso, contemplamos hoje o assombroso espetáculo de milhões de dólares sendo vertidos no negócio nada santo de prover entretenimento mundano aos chamados filhos dos céus. O entretenimento religioso está, em muitos lugares, rapidamente desalojando as sérias coisas de Deus.

Muitas igrejas; em nossos dias, se tornaram nada mais que pobres teatros onde "produtores" de quinta categoria mascateiam suas mercadorias de baixo valor com plena aprovação dos líderes evangélicos, que chegam a citar textos bíblicos para justificar tal delinquência. E é difícil acharmos alguém que ouse levantar sua voz contra isso. 

Fonte: Com Vergonha do Evangelho, p. 74

2 comentários:

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  2. Por favor "Aliança Reformada "!!!!!

    TOZER? Um ARMINIANO / MISTICO citado aqui?

    Creio que isso é divulgar "falsas doutrinas " e promover esses "teólogos"

    Ruth Rossini

    PS: Corro o risco de me acharem "radical" e taxarem de vários adjetivos(não muito bons)
    Mas não posso deixar de comentar ..

    Em Cristo

    ResponderEliminar